Organizar a vida: faça em francês!

 Por acaso, enquanto folheava a minha agenda, me lembrei do pequeno prazer de encontrar no topo de cada dia, a palavra francesa para o dia da semana. Prazer minúsculo e ao mesmo tempo de grande importância, pois essa relação quotidiana e positiva da língua sempre foi uma motivação para trazer o francês cada vez mais próximo e dedicar um minutinho a mais do meu dia a descobrir algo novo.

Fazendo a ligação desse detalhe pessoal com a ideia, que se fala muito em didática de línguas estrangeiras, de propor/realizar atividades que se aproximem do uso efetivo da língua saiu esta listinha com arquivos para organizar a vida em vários aspectos: de um controlador de gastos interativo, passando pelo simples calendário, a lista de compras e até um repertório também interativo para as suas receitas… tudo para dar um toque francês ao dia a dia.

Professores e alunos podem pensar nesses arquivos também como uma forma de trabalhar aspectos lexicais e gramaticais: verbos em -er, dias da semana, números…

A maioria dos modelos que selecionamos foi disponibilizada pelo site da Microsoft França, se você deseja ver outros modelos, acesse aqui a página deles.

 

Calendário eterno

CalendrierEste é um calendário que pode ser usado em qualquer ano, basta clicar um botão e ele muda automaticamente os dias no quadro. Alteramos ligeiramente o calendário para que ele mantenha os nomes dos meses em francês ; na versão original, ele adapta a língua dos dias do mês para a língua do seu computador. Você também pode mudar as imagens de cada aba. Continuar lendo

Anúncios

Jogo Thélème: finalmente on-line!

É com muitíssimo prazer que apresento àqueles que não conhecem e àqueles que não estavam a par desta ótima notícia: sem precisar instalar, Thélème está on-line!

Um jogo divertido, multiplayer, agora on-line, para aprendizagem de francês. Dê uma olhadinha em um clipe do jogo e veja nossas observações para não quebrar a cabeça com algumas limitações do jogo…

.

Esse vídeo é de uma versão mais antiga do que a on-line.

.

Quem pode jogar? Qualquer pessoa que tenha um francês básico pode jogar. Há a ajuda também do áudio e da palavra que aparece em uma janelinha quando o ponteiro do mouse fica sobre um objeto; isso pode ajudar a inferir sobre o que é necessário fazer.

Uma limitação do jogo. Você verá que, às vezes, você dá uma resposta correta, ou aceitável, e o personagem com quem você conversa sempre repete “Je ne comprends pas.” – Não entendo. Isso acontece porque você tem que escrever a frase da forma mais completa possível, porque você cometeu um erro de ortografia, ou porque falta alguma expressão de politesse (polidez), como Bonjour ou s’il vous plaît. Uma solução é observar como os outros personagens automáticos falam para guiar seu diálogo, e tentativa e erro.  Há também o forum, em que você pode verificar as soluções para problemas e fazer suas perguntas.

No início, um estágio de jogo guiado O jogo tem um início com missões guiadas, mas tem um estágio on-line também com chat… Ainda não experimentei esse estágio, então não posso dizer muita coisa… Então, se alguém já conhece esse estágio e quiser fazer suas observações para guiar a nós, novatos, por favor, usem o espaço de resposta.

.

Agora sou eu que vou continuar meu jogo. kkkk

Missões virtuais

Organize uma festa de aniversário com compras simuladas on-line no site do Carrefour… e não esqueça dos convites; ou… escolha a cidade onde você vai morar como estudante durante um ano e investigue como funcionam os transportes, o clima, a localização, a vida cultural…;  ou prepare sua alimentação e atividade física para correr a próxima maratona.

O site da Aliança nos EUA, MERLIN, propõe algumas tarefas simuladas  mesclando formulários no próprio site e compras fictícias em sites franceses. Cada uma das atividades lista claramente que tipo de conhecimento você irá desenvolver. No sumário, as atividades estão listadas segundo uma ordem de complexidade. Tudo bem claro, com um objetivo do dia-a-dia a cumprir. Atenção! O site não trabalha bem com números quebrados… aproxime-os de um valor inteiro.


Se você frequenta algum curso de francês, você pode procurar no início do seu livro o quadro de conteúdos e competências desenvolvidos em cada lição e adicionar uma pequena nota com o nome da página MERLIN para indicar que existe uma atividade a ser feita. No caso da primeira atividade, o Aniversário, isso poderia figurar nos capítulos sobre alimentação, números e medidas…

Professores, peçam para que os alunos trabalhem em equipe e acompanhe os resultados ou inspire-se para aplicar vários dos sites disponíveis em atividades na própria sala de aula. A fixação de algo quando é aplicado a uma situação concreta é muito mais efetiva. Não esqueça de propor tarefas bem definidas. Dê uma olhada no Prezi do site FrancParler com um guia para criar outras tâches, atividades baseadas em situações e necessidades reais,  para a sala de aula.

Vocabulário animado

clique para ver a animação

Um humor simples, leve e lúdico é o que vemos nessas  “ecrillustrations”. Talvez você ache simples demais, talvez você ache uma bobagem, quase um detalhe perdido entre tantas coisas mais centrais, mais importantes… quem sabe é isso mesmo. Ou talvez essas imagens sejam um convite a um sorriso ligeiro, fácil e à assimilação definitiva de novas palavras, afinal, o prazer destrói qualquer entrave ao aprendizado.

Criação de novas palavras

Uma possibilidade para explorar essa ideia é compor suas próprias palavras. Quando? Se você for professor de francês para crianças você pode explorar a imaginação delas com desenhos a mão. Se você trabalha com crianças maiores ou mesmo adolescentes você pode propor um projeto de animação em equipe em torno de um texto animado ou de um grupo de palavras relacionadas. Um bom exemplo disso (com poucas palavras) é a animação de Ecrillustrations que reune “poule, pondre, poussin“. Isso pode ser feito com a ajuda de programas simples como:

  • PaintBrush do Windows para compor imagens individuais. A internet e o Google imagens são uma mão na roda para encontrar imagens (Atenção aos direitos autorais! Sempre indique ou oriente seus alunos como atribuir os créditos e especificar a origem das imagens).
  • O próprio Powerpoint pode ser usado para quem quer animações rápidas. Não deixe de ver este slide on-line com dicas muuuuito boas para fazer uma apresentação marcante.
  • Pense no moviemaker para fazer vídeos simples. Veja um tutorial em vídeo.
  • Ou tente o Gimp (programa equivalente livre do Photoshop) para criar animações em .gif. Veja um vídeo para começar a trabalhar com esse programa.

Mot du jour

Algo simples de fazer é visitar a página de Écrillustrations na frequência que for mais interessante para seu ritmo de vida e de aprendizado e trabalhar com a(s) palavras que forem apresentadas. Experimente procurar num dicionário francês-francês a palavra em questão para descobrir possíveis usos e sentidos diferentes. Se você é iniciante, dê uma olhada no seu dicionário bilíngue para evitar eventuais  incompreensões. Observe novamente a animação e invente algumas frases como estratégia de fixação. Mots illustrés  Mots animés

Polêmico! Réagissez

O que você pensa sobre a proibição da burqa? Você acha que o governo Obama tem cumprido suas promessas? Você acha que a inserção das mulheres no mercado de trabalho impede a maternidade?…

Não importa qual o seu assunto de interesse, quando se encontra um artigo polêmico, interessante ou que desperta justamente aquilo que você gostaria de falar sobre o assunto, nada melhor do que fazer as suas mãos serem lentas demais para expressar o que você quer dizer… E quando sua opinião rende todo um fórum é preciso saber iniciar, defender, perguntar ou esquivar de opiniões.

Veja abaixo um arquivo retirado do site em inglês French About, que mostra uma lista com fórmulas para expressar, introduzir e ajudá-lo nos seus debates. Logo abaixo você vê sugestões de alguns sites-temas para navegar e exercitar.

Courrier International (reúne artigos de várias partes do mundo traduzidos   em francês. Para comentar você precisa se cadastrar.)

Marie Claire Maison (revista de arquitetura e decoração)

Marie Claire (revista feminina direcionada a público adulto)

Girls (revista feminina direcionada a público adolescente)

Falta evidentemente conteúdo menos feminino, mas são só exemplos (e eu aceito sugestões). Não esqueça dos BLOGS, eles também são um bom lugar. Ainda sobre os blogs, você pode assinar os RSS das tags no wordpress [O que é isso?] para saber quais os artigos sobre o seu tema estão surgindo. Sugiro o uso de Netvibes para organizar seus fluxos RSS on-line.

Antes, durante e depois… o que um clip pode oferecer

Não basta apenas se concentrar nas letras de uma música ou de uma melodia… já há algum tempo a nossa seleção de músicas, ou pelo menos, daquilo que está em evidência, passa pelo clip, que nos faz aproximar dos artistas pelas boas histórias que contam em poucos minutos.

Trago pra vocês hoje uma proposta para conhecer vários clips, de temas e gêneros musicais diferentes, e para sugar até a última gota todas as possibilidades que esses videozinhos podem oferecer para seu nível de francês. É uma proposta, preparada pelo site de TV5, onde os clips são explorados antes, durante e após sua emissão com atividades que variam de acordo com os níveis de francês.

Mas, primeiro… qual é o seu nível mesmo?

Já ouviu falar em A1, B2, C1? Essas letras são referenciais europeus para classificar um nível de linguagem em um idioma europeu como língua estrangeira, que fazem parte do CECR (Cadre Européen Comun de Reférence).

  • Veja a grade em português (pt) para ver a descrição de cada nível e das competências que cada um deve ter.
  • Depois de dar uma olhada, cheque se é realmente isso e expermente um pouco dos prinicpais diplomas franceses (DELF – Diplôme d’études en langue française; DALF – Diplôme approfondi de langue française) apresentação dos testes em francês; exemplos de testes com .mp3 e .pdf

Você vai encontrar no site Paroles de Clips uma ótima lista de atividades de clips disponíveis, não necessáriamente com vídeos, ou com apenas extratos, então uma busca no Google videos vale a pena. Apenas observe uns detalhes que você não pode ignorar, para fazer um percurso correto…

Como exemplo vai o clip de Garou, L’injustice (B1- B2)